sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

É sexta-feira... que bom!!

Há quem não ache piada nenhuma às sextas-feiras e até ache ridículo elogiar um dia da semana.
Porquê a sexta-feira e não o domingo, poderão perguntar?
Pois, não sei bem explicar.
A sexta-feira tem sempre um sabor especial. E não, não trabalho menos horas do que nos outros dias. Por vezes, até trabalho mais.
É uma sensação inexplicável.
Quando acordo, numa sexta-feira, tudo é diferente na minha cabeça, na minha alma, no meu estado de espírito.
É uma sensação de paz, de coordenação de movimentos, de boa disposição e ao mesmo tempo de vontade de arrumar a cabeça e resolver os problemas pendentes.
A sexta-feira representa isso mesmo. Sem hesitações, representa um virar de página, para abrir nova página no sábado, uma página completamente diferente. Não é melhor nem pior, é apenas diferente.
À sexta-feira não há tédio, o dia passa a correr, e o trabalho corre sempre melhor.
As minhas melhores ideias surgem à sexta-feira, sobretudo à noite.
É aí que faço alguns planos para a minha vida, para a vida da minha família e, sobretudo, é quando ponho no papel muitos desses planos e dou o primeiro passo. 
É à sexta-feira que a família está mais relaxada e disponível para conversar, talvez porque no sábado não há o stress de levantar cedo para ir trabalhar. Nisso, temos vantagens.
E é assim, desde há muitos anos, que faço da sexta-feira um dia 100% produtivo, sem que o mesmo seja cansativo, uma vez que é passado com prazer, mesmo a trabalhar!

Feliz sexta-feira!


Sem comentários:

Enviar um comentário