sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Balanço do mês de janeiro


Ao contrário de 2013, posso dizer que 2014 começou da melhor maneira possível.

FINANÇAS:
Não, não tenho mais dinheiro, pelo contrário! O nosso governo assim quis e, portanto, recebemos menos uns trocos e trabalhamos mais uma hora por dia. Mas nem por isso, deixei de ter alegria. Alegria que já não sentia há muito tempo.
Continuo a fazer o orçamento doméstico e consegui poupar algum dinheiro.

SAÚDE:
Quem me conhece, pessoalmente ou mesmo virtualmente, sabe o quanto sofri no ano passado, das vezes que fui ao hospital, dos dias que passei sem esperança no futuro e incapaz de fazer quaisquer planos.
Felizmente este ano começou muito bem, em grande mesmo.
Idas ao hospital? Apenas uma e por uma boa causa. No hospital também podemos investir em nós, na nossa qualidade de vida. Foi o que aconteceu!

LAZER:
Este mês também conseguimos fazer uns passeios em família, uns almoços especiais.

TRABALHO:
Muito trabalho, mas com muita organização. Consegui registar as minhas tarefas diariamente e cumpri-las na sua maioria no próprio dia. O ambiente no trabalho foi francamente positivo.

AMOR:
Muito amor, muito carinho, muito companheirismo, muito apoio familiar.

VIDA DOMÉSTICA:
Consegui manter a casa arrumada e a roupa sempre cuidada. Também tenho de agradecer à minha mãe e às minhas filhas que contribuíram para isso.
Adiantei algumas refeições ao fim-de-semana para congelar.
Levei almoço para o trabalho praticamente todos os dias.

BELEZA:
Criei o hábito de cuidar um pouco mais de mim, da minha imagem. Se consegui, não sei. Eu sinto-me muito bem.

Só posso dizer OBRIGADA! Venha mais um mês assim. Com SAÚDE, PAZ E AMOR







Hoje é sexta-feira... iupi!!!

Que alegria, que felicidade!!!

Sexta-feira é mesmo o meu dia preferido, não consigo esconder.

Até o trabalho corre melhor!

Apetece ouvir música, sorrir, conversar, namorar...

Boa sexta-feira, queridos seguidores!

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Duas semanas sem compras

Sim, vai ser assim nas próximas duas semanas.
Como forma de poupar, decidi não comprar nada, mas mesmo nada nas próximas duas semanas.
Mas, claro, se surgir algum imprevisto, uma doença, ou outra coisa do género, nós não podemos evitar gastar.
Excluindo as situações anormais, vou pôr em prática pela primeira vez este ano, um método de poupança que já usei em anos anteriores e que foi bastante positivo.
Assim sendo, para as próximas duas semanas vou planear as ementas de acordo com o que já tenho em casa, e acreditem, iremos fazer uma alimentação variada.
Esta será uma forma de gastar algum ingrediente que anda por lá esquecido.
O pão e os iogurtes são feitos em casa, assim como será feito um bolinho ao fim-de-semana (desta vez vou introduzir o kiwi, uma vez que ainda há restos da nossa colheita).
Portanto, vamos ter duas semanas de poupança sem perder a qualidade.
O meu objetivo é alargar este período para três ou mesmo quatro semanas, mas para isso é necessário uma programação ainda maior. Ainda não estou em condições de o fazer, mas daqui a um tempo quem sabe...
Veremos como corre esta experiência.




terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Por que falha a dieta?

Por que razão a maioria das dietas falha? Ou por que razão as pessoas que iniciam uma dieta, pouco tempo depois a abandonam?

Eis algumas dessas razões:

1. Bebem pouca água durante o dia. Deve-se beber, pelo menos, 1,5l de água por dia, para eliminar líquidos e as toxinas;
2. Não fazem um plano de refeições para toda a semana. Deve-se ter sempre em casa os ingredientes necessários para confeccionar pratos saudáveis, caso contrário, há a tentação de comer qualquer coisa que esteja à mão;
3. Petiscam a toda a hora, sobretudo bolachas e outras guloseimas. Deve-se fazer refeições a horas certas, sempre com um intervalo de 3 ou 4 horas, não mais;
4. Não comem verduras a todas as refeições. As verduras ajudam a eliminar as toxinas e favorecem o trânsito intestinal;
5. Iniciam dietas restritivas, prometedoras de perda de peso rápido. A restrição ou privação de algum alimento causa alterações no humor, depressões e, portanto, pouco eficazes a longo prazo. Deve-se comer de tudo, até chocolate, desde que sem exageros;
6. Querem ver resultados rápidos. A dieta para ser saudável deve fazer com que a perda de peso seja de um quilo por semana, não mais;
7. Saltam refeições. Nunca se deve saltar uma refeição, pois na refeição seguinte tudo o que comer vai ser absorvido e vai engordar;
8. Fazem apenas três refeições por dia. Deve-se fazer um máximo de seis refeições (três principais e dois lanches. Se jantar cedo, pode ainda fazer uma ceia, tomando um chá e duas tostas, por exemplo.);
9. Pensam que fazer dieta é deixar de comer. Quanto mais vezes comer mais acelera o metabolismo, logo mais emagrece.
10. Comem quando estão tristes ou cansadas. Deve-se procurar outras alternativas para resolver esses estados, caso contrário ainda ficam mais tristes depois. Experimente ouvir música, tomar um banho, ler, andar a pé, tanta coisa que pode fazer sem ser comer!

Pense nisso!



segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Pausa para café

Não deixem de fazer pausas nas vossas vidas, nem que seja para tomar um café.
A chamada "pausa para café" é muito importante para aumentar o rendimento do trabalho.

Experimente afastar-se da sua mesa de escritório, com uma colega ou mesmo sozinha, para fazer uma pausa para café (ou chá, para quem não gosta ou não pode tomar café, como eu) ou pelo menos para desanuviar a cabeça numa sala de descanso que realmente lhe proporcione uma pausa mental enquanto desfruta do prazer do seu café. O bar da empresa nem sempre é um bom local de descanso, a menos que seja um espaço agradável, sossegado e com música ambiente.

Apenas 15 minutos chegam para se sentir com mais energia e com capacidade para trabalhar de forma mais concentrada, após ter feito uma verdadeira pausa para café.
Em seguida, retome o seu trabalho completamente revigorada e pronta para mais uma etapa.

Conselho: Quando decidir fazer uma pausa para café, verifique se esse é mesmo o momento ideal. Por vezes, fazem-se pausas em horas completamente inoportunas, em que em vez de ganharmos, perdemos energia. Evite fazer dessas pausas, se possível adie para outra hora.

Feliz início de semana!




Uma semana começa bem quando temos um objetivo, forças para correr atrás dele e esperança de alcançá-lo.


Feliz início de semana!
 

domingo, 26 de janeiro de 2014

Beber água - sua importância

Beber água é muito importante porque elimina o excesso de líquidos e toxinas do corpo, evitando o inchaço.
Beber cerca de 1,5l de água por dia é o melhor remédio para a saúde.
Existem alguns alimentos ricos em água, que deverá incluir na sua alimentação diária, como por exemplo as frutas, os sumos naturais, principalmente de melão e de melancia, as saladas e os vegetais crus. Este alimentos, como são ricos em água, facilitam o trabalho dos rins, que eliminam com mais eficiência os líquidos retidos. As hortaliças e frutas também têm magnésio e postássio, que ajudam a  neutralizar a retenção de líquidos causada pelo sódio.

sábado, 25 de janeiro de 2014

Mais fruta, menos açúcar!

Comer menos açúcar leva, sem dúvida, a uma dieta mais saudável.

Se pretende ter uma dieta mais saudável, mas não consegue abdicar de um docinho diário, experimente fazer esses doces mas sem açúcar e substituindo-o pela fruta.



Ao pequeno-almoço, pode comer uma tacinha de flocos de aveia e fruta fresca laminada;
Para comer a meio da manhã, leve de casa uma fatia de bolo sem açúcar e sem farinha (receita aqui);
Ao almoço, se não consegue abdicar de uma sobremesa, leve de casa uma maçã cozida, polvilhada com canela.
Ao lanche, coma duas rodelas de ananás polvilhadas com uva-passa;
À ceia, duas bolachas de arroz barradas com uma maçã cozida e canela.

Mais fruta, muito menos açúcar!

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Calma, amanhã é sábado!

Sim, para mim sábado é sinónimo de sossego, calma, paz... 
Não me levanto tarde, mas também não ligo o despertador. Os horários não têm de ser rigorosos ao fim-de-semana. Já chega durante a semana!
Não pretendo andar em correrias de um lado para o outro. A minha casa e a minha família são a minha prioridade! 

No domingo, a família continua a ser a prioridade, estando prevista a visita a duas pessoas muito queridas que se encontram doentes.


Bom fim-de-semana!

Viver (com) paixão - Janeiro

Este foi o tema escolhido pelos Missionários da Boa Nova para o Calendário Jovem 2014.
Tenho tido a feliz sorte de este calendário me ser oferecido todos os anos por um grande amigo,  a quem agradeço do fundo do coração.
As suas palavras sábias têm sido um elixir para mim e para a minha forma de ser e de estar.
Não posso deixar de partilhar convosco as frases, que mais não são do que conselhos, que os Missionários da Boa Nova escolheram para o seu calendário. Hoje ficamos pelo conselho para o mês de janeiro:

«Revesti-vos de sentimentos de misericórdia, bondade, humildade, mansidão e paciência», Colossenses 3,12

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Gestão financeira pessoal

Com a crise económica que vivemos convém fazermos uma boa gestão financeira dos nossos rendimentos, cada vez mais pequenos.
Na minha opinião, não é necessário utilizar sistemas muitos complexos. Bastará que se pense muito bem antes de comprar aquelas pequenas coisas que custam 2€ ou 3€, coisas que, por vezes,  nem precisamos muito. Mas o que é certo é que 2€ hoje e 2€ amanhã, vai muito dinheiro ao fim do mês.
Deixo-vos alguns conselhos:
Conselho nº 1: No dia em que recebe o seu vencimento (no meu caso, é hoje), crie uma tabela, pode ser em excel ou mesmo em word, e numa primeira coluna registe o montante dos seus rendimentos do mês; na outra coluna, registe todas as despesas, mais ou menos fixas (água, luz, telefone, gás, telefone, internet, prestação da casa, colégio dos filhos, prestação do carro,mesada dos filhos, etc.) previstas para o mês; em seguida, estipule um máximo de consumo no supermercado; não se esqueça de tirar uma parte para si , ou melhor, para um mealheiro à parte (eu costumo retirar 10% do meu vencimento). Faça a soma da segunda coluna. Sobra dinheiro? Se sobrar, poderá pensar em alguma extravagância este mês, do tipo, ir à manicure, ao cabeleireiro, almoçar ou jantar fora, fazer uma viagem, etc....Caso contrário, esqueça. Ainda não dá este mês, a menos que corte na alimentação, o que não me parece nada bem, a menos que se chegue à conclusão que existem bens que são dispensáveis. Posso falar da minha experiência pessoal. De há uns anos a esta parte, tenho gasto muito menos no supermercado porque tenho feito as escolhas acertadas, compro mais marca branca, aproveito os talões, faço sempre lista de compras e cumpro-a rigidamente. O que é certo é que a conta baixou e muito.
Conselho nº 2: Nunca gaste até ao último cêntimo; 
Conselho nº 3: Pague menos com os cartões e mais em dinheiro;
Conselho nº 4: Não ceda à tentação das promoções.

No poupar é que está o ganho!

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

A moda da marmita

A moda veio para ficar.
É raro hoje passarmos por alguém que não leve consigo a sua marmita.
Primeiro as mulheres, mas hoje também os homens aderiram à nova tendência. 
As empresas empregadoras também apoiam esta prática, ao disponibilizarem micro-ondas para os funcionários poderem aquecer a comida.
Até algumas escolas instalaram micro-ondas para que os alunos, também eles, possam levar a sua comida de casa e aquecer na escola.
Há modas que vêm e que passam de repente mas, parece-me, que esta está para durar.
Pessoalmente, sou fã da marmita há muitos anos e, portanto, não foi a crise que me fez aderir a esta tendência. Contudo, grande parte das pessoas foi obrigada a alterar os seus hábitos em função dos momentos difíceis que o país atravessa.
Há males que vêm por bem. Neste caso, particularmente, a mudança fez com que as pessoas gastem menos com a alimentação e comam melhor.
As empresas que comercializam as marmitas também se aproveitaram desta situação ao criarem modelos, qual deles o mais bonito, para que as pessoas não deixem de andar na moda.
Trazer marmita pode até ser chique, depende do modelo que usar. 

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Pequenos prazeres da vida

A vida é feita de pequenos prazeres.
Como não sou uma pessoa muito exigente, são muito simples as coisas que me dão grande prazer. Eis algumas:
  1. Um passeio num dia de sol;
  2. Uma bela paisagem para contemplar e comer com os olhos;
  3. Deitar-me em  lençóis lavados numa cama bem feita;
  4. Vestir uma blusa acabada de passar a ferro;
  5. Acordar a meio da noite e verificar que ainda tenho muitas horas para dormir;
  6. Revisitar um lugar da minha infância;
  7. Encontrar dinheiro no bolso de um casaco que já não vestia há muito tempo;
  8. Rever fotos antigas;
  9. Fazer os outros sorrir;
  10. Dar uma boa gargalhada;
  11. Divertir-me com as minhas filhas como se fôssemos da mesma idade e rir, rir de nós próprias e das nossas figuras;
  12. Ler um bom livro, com a lareira acesa, num dia de chuva;
  13. Brincar com o meu gato de estimação;
  14. Um duche com água bem quente num dia muito frio;
  15. Deitar na cama depois de uma dia cansativo;
  16. Sentir o mesmo amor de alguém há mais de 25 anos;
  17. E muito, muito mais...


segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Recomeçar e... melhorar!

Queridas leitoras e queridos leitores:


Passei apenas para desejar uma feliz semana e deixar algumas mensagens de esperança e de motivação.
Não devemos ver a segunda-feira como um dia aborrecido, monótono, rotineiro, cansativo e sim como um dia em que temos a oportunidade de recomeçar mais uma semana e em que podemos melhorar tudo o que fizemos e que correu menos bem na semana passada ou, até, pôr em prática algo que não passou de um projeto.
Recomeçar nova semana é sinal que algo continua e não acabou.
Por isso, se acha que fez alguma coisa mal na semana passada, corrija esta semana. Tente sempre melhorar.

Feliz semana!

sábado, 18 de janeiro de 2014

Hora da música...



Paulo Ricardo - Dois




Bom fim-de-semana!

Consultas de nutrição, em Coimbra

Se é uma pessoa que se preocupa com a saúde, se já tentou emagrecer e não conseguiu, se acha que precisa de motivação para levar a cabo uma dieta de emagrecimento, se tem dúvidas sobre a melhor forma de se alimentar, se está grávida e pretende ser acompanhada por uma assistente de nutrição neste período, se tem filhos pequenos e pretende ajuda sobre a alimentação deles, então não hesite. Está na altura de nos procurar. 
Saúde acima de tudo, sem medicamentos.

Estamos no Centro Nuno Martins em Coimbra, na Rua dos Combatentes da Grande Guerra, 126A

Consultas de Nutrição  (de segunda a sexta, depois das 18h, por marcação)

Mais informações sobre este serviço de nutrição do CNM

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Bolo que não engorda!

Quer perder peso, mas não consegue resistir a uma fatia de bolo?
Muito bem. Eis uma receita de um bolo delicioso, baixo em calorias pela ausência de leite, açúcar e farinha de trigo:

Ingredientes:
3 ovos
5 bananas bem maduras
2 chávenas de flocos de aveia
1 copo de damasco picado
1/2 copo de nozes
1/2 copo de uva-passa
1/2 copo de ameixa preta picada
1 colher de chá de fermento em pó




Preparação:
Com uma batedeira misture as bananas com os ovos.
Em seguida acrescente os restantes ingredientes.
Misture bem.
Por fim, coloque numa forma untada com manteiga e coza no forno, numa temperatura média, até que o bolo fique dourado.

BOM APETITE!



quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Como aproveitar o tempo

A maioria dos trabalhadores, passa uma grande parte do dia fora de casa. Agora que é inverno, muitas pessoas saem de casa ainda de noite e regressam já de noite. Os dias são muito pequenos, dizem, mas, na verdade os dias têm as mesmas horas dos dias de verão. A única diferença é que agora é de dia durante menos horas.
Muitas pessoas queixam-se de que, no inverno, não têm tempo para nada. É de noite num instante.
Eu pergunto: Por ser de noite, não podemos continuar a aproveitar o tempo?
Existem imensas coisas que podemos fazer, mesmo à noite, depois de chegar do trabalho. Quem chegar a casa às 18:30 e se deitar às 11h30, tem 5 horas ao seu dispor. O que fazer nesse tempo?
Quem tem filhos pequenos terá uma rotina muito diferente dos que não tem filhos pequenos e mais ainda dos que não tem filhos.
No geral, o que podemos fazer depois do trabalho?
1) No caminho para casa, podemos aproveitar para fazer algumas compras pontuais (30 minutos);
2) Já em casa, concluir o jantar e programar o almoço do dia seguinte (30 minutos);
3) Pôr roupa a lavar e dar comida aos animais (10 minutos);
4) Passar a ferro, enquanto conversamos com a família (45 minutos);
5) Arrumar roupas nos armários (10 minutos);
6) Aspirar uma ou duas divisões da casa (15 minutos);
7) Destralhar alguma divisão da casa (10 minutos);
8) Redecorar algum espaço da casa (10 minutos);
9) Ler ou escrever (30 minutos);
10) Jantar e arrumar a cozinha (45 minutos);
11) Costurar, bordar, tricotar, enquanto vemos ou ouvimos algum programa na televisão (30 minutos);
12) Tomar um duche (15 minutos);
13) Se ainda tivermos tempo, navegar na internet, mas sem exagerar no tempo.

Como vê, em 5 horas podemos fazer muitas coisas. É tudo uma questão de gestão de tempo.
É claro que, se formos para o computador assim que chegamos a casa, vamos com certeza desperdiçar algum tempo, além de que vamos quebrar a energia que ainda nos resta para fazermos as tarefas de casa. Quando assim é, o que acontece é que a pessoa já não faz mais nada, além do jantar.

Volto a referir que, quem tem filhos pequenos não tem uma rotina nem igual nem mesmo parecida com esta, pois existem cuidados a ter com as crianças que não são compatíveis com algumas das tarefas que referi. Uma criança precisa de atenção e, por isso, a mãe deve dedicar tempo só para o filho. Brincar com ele, ver um filme com ele, dar comida na boca, dar banho, ir adormecê-lo. Recordo-me que, quando as minhas filhas eram pequenas, eu só conseguia fazer alguma coisa depois de elas estarem a dormir.



terça-feira, 14 de janeiro de 2014

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Vamos acordar!

Custa muito levantar, principalmente à segunda-feira. Não sou diferente do resto do mundo.
É uma verdade que gosto de me levantar cedo, mas à segunda-feira dá sempre uma preguiça, principalmente se está frio lá fora.
Bem, mas não há volta a dar, temos de levantar e ir trabalhar.
Por isso, vamos acordar.
A melhor maneira para acordar é ligar a música logo de manhã, tomar um bom duche. Em seguida, um pequeno-almoço saudável, com alimentos frescos e energéticos. Finalmente um café (para quem gosta e quem pode beber!)
Não se esqueça de fazer a cama antes de sair de casa.
Ah, outra coisa essencial, pensar nas refeições do almoço e do jantar, caso não tenha pensado no dia anterior.
Faça isto com calma, de forma organizada.
Um conselho importante: levante-se uns minutos antes do resto do pessoal. Assim terá mais tempo para si e para as coisas que realmente importa fazer antes de sair de casa.

BOA SEMANA!


domingo, 12 de janeiro de 2014

A minha pequena grande artista

Como mãe sou suspeita para dar qualquer opinião, mas não posso deixar de elogiar os primeiros passos da minha pequena grande artista. 

Reconheço que tem uma longa caminhada pela frente, mas acho que está no bom caminho.


Parabéns Inês por estes trabalhos e continua!





sábado, 11 de janeiro de 2014

O melhor da vida é ser feliz!

E ser feliz implica ter uma visão positiva da vida e viver em paz consigo mesmo.

A nossa felicidade somos nós que a fazemos. Por isso, devemos viver a vida com o coração, sorrir sempre e não viver amargurado pelo passado.

Para se ser feliz não é preciso tirar nenhum curso, basta ser uma pessoa com pensamentos e atitudes positivas na sua relação interior e com os outros.

Tratar os outros com bondade, falar bem dos outros, não guardar rancor, não procurar culpados para os seus próprios fracassos, dizer sempre a verdade, agradecer pelo que já tem e não passar a vida a lamentar-se pelo que não tem, não se preocupar com pequenas coisas, escolher as suas verdadeiras amizades, e muito muito mais... é isto que as pessoas felizes fazem.

As pessoas felizes não vivem no passado nem pensem muito no futuro. Vivem o presente, vivem cada momento, são capazes de parar para cheirar uma rosa silvestre, saboreiam cada momento com prazer.

As pessoas felizes vivem com pouco, vivem com o que realmente é importante.

Se o melhor da vida é ser feliz, então ESCOLHA SER FELIZ!!

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Simone de Beauvoir - sugestão de leituras

Em dia do 106º aniversário de Simone Beauvoir, sugiro a leitura de duas das suas obras,  textos essenciais do feminismo contemporâneo.

O Segundo Sexo - Vol. I  - (Em PDF)
O Segundo Sexo - Vol II - (Em PDF)



Boas leituras!

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Investir em si mesmo

Esta é uma das minhas resoluções para este ano. Investir em mim. E, por isso, pretendo desenvolver as minhas capacidades, os meus conhecimentos, explorar a minha criatividade e, claro, cuidar do meu corpo, da minha saúde.

Com base em algumas leituras, encontrei três dicas que me poderão ajudar e que pretendo partilhar convosco:

  1. Desenvolva as suas habilidades. Há inúmeras opções para desenvolvermos e melhorarmos as nossas capacidades. Podemos, por exemplo, investir na formação académica avançada (pós-graduação, especialização, entre outras certificações relevantes), participar de workshops e conferências ou manter-mo-nos  atualizados cm leituras online e livros da nossa área.
  2. Explore a sua criatividade. A nossa criatividade pode alcançar limites muito além daquilo que imaginamos. Pode incentivar-nos a crescer, podemos aprender um novo idioma, fazer cursos diferentes da nossa área de atuação, escrever um diário ou até mesmo um livro, viajar, ouvir tipos diferentes de música, entre outras atividades.
  3. Cuide do seu corpo e da mente. De que adiantam cursos e investimentos na nossa mente, se o nosso corpo não estiver saudável e em forma?  Para que estejamos no nosso melhor, é necessário também investir no nosso corpo. Devemos praticar exercícios físicos regularmente, ter uma alimentação saudável e equilibrada e deixar os hábitos nocivos, como o cigarro.



terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Concentração no trabalho

Algumas pessoas sentem imensa dificuldade em manter a concentração nas suas tarefas no dia-a-dia do trabalho, uma vez que existem distrações a toda a hora, com pessoas a entrar e a sair do gabinete a todo o momento, ou porque o telemóvel toca constantemente com notificações de mensagens, ou até mesmo porque os colegas de trabalho, ao seu lado, estão sempre a conversar.
A falta de concentração pode prejudicar a sua imagem e rendimento no trabalho e, por isso, é muito importante mudar certas atitudes para resolver o problema que atinge grande parte dos trabalhadores.
Veja algumas dicas importantes:

  1. Faça uma lista das tarefas a serem realizadas durante o dia;
  2. Experimente não verificar o seu email no início do expediente. Comece a realizar as tarefas que ficaram pendentes ou mais urgentes e só depois veja o email;
  3. Algumas pessoas conseguem trabalhar ao som da música, porém a música com letra não é aconselhável, pois pode distrair. Experimente músicas instrumentais;
  4. Não mantenha muitos separadores de internet abertos em simultâneo. Veja só quando for necessário e por um curto espaço de tempo;
  5. Faça as tarefas mais complicadas no início da manhã e deixe as menos complicadas e repetitivas para depois.
BOM TRABALHO!


segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Ementa da semana



Segunda-feira:
Almoço - Sopa de alho francês, Arroz branco com frango desfiado, fruta.
Jantar - Sopa de alho francês, Lulas recheadas com arroz branco e salada, fruta.

Terça-feira:
Almoço - Creme de legumes, Salada de atum com massa colorida, fruta.
Jantar - Creme de legumes, Carne de vaca estufada com puré de batata, salada mista,  fruta.

Quarta-feira:
Almoço - Sopa de feijão branco com espinafres, Bacalhau à Gomes de Sá, legumes salteados, fruta.
Jantar - Creme de legumes, Febras grelhadas com arroz de grelos, fruta.

Quinta-feira:
Almoço - Creme de cenoura, Bacalhau com batatas e grelos, fruta.
Jantar - Sopa de peixe, Hambúrguer com arroz de tomate e salada, fruta.

Sexta-feira:
Almoço - Sopa de feijão verde, Bifes de peru com cogumelos, legumes salteados, fruta.
Jantar - Sopa de feijão verde, Peixe assado no forno com puré de batata e salada, fruta.

Para os fins-de-semana, a ementa é sempre definida ao longo da semana.

Bom apetite!

domingo, 5 de janeiro de 2014

De volta à marmita!

Após uns dias de descanso, porque estive de férias e porque tive o privilégio de almoçar em casa, a marmita volta a acompanhar-me para o trabalho.
São várias as vantagens em levar o almoço de casa. Além de ficar muito mais económico, podemos fazer uma alimentação mais saudável.

O que podemos levar na marmita:

  • Água
  • Sopa (Sim, eu levo sopa numa panela térmica, e que bem que sabe!)
  • Salada de frango
  • Arroz de legumes
  • Filetes com arroz
  • Salada russa com filetes
  • E muito, muito mais...

Para os lanches, podemos levar:

  • Fruta
  • Iogurtes
  • Tostas integrais
  • Também não dispenso o meu termo que levo com água a ferver e que dá para fazer chá ou café.


No inverno, não dispenso as bebidas quentinhas, nem mesmo no trabalho! 


sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Lista de compras

Ir com uma lista de compras para o supermercado é uma excelente forma de evitar que se perca no mundo de possibilidades que o mercado oferece.
Eu faço assim:
Ao longo da semana vou anotando na lista os produtos que vão ficando em falta. Ao fim-de-semana,  por vezes a meio da semana, vou às compras com a minha lista.
Ao criar a lista vou também consultando os talões de desconto do próprio supermercado, bem como a sua página web, onde estão indicadas as promoções da semana. Se alguns desses produtos for do nosso uso corrente, aproveito a promoção e compro mais quantidade.
É assim que me organizo nas compras e vou poupando uns euros ao fim do mês.
Para mim, a lista de compras é um suporte imprescindível e poderoso.

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Novo ano, mesma rotina

Depois de uma pausa na rotina habitual, graças às mini-férias que consegui fazer neste período de festas, eis que estou de volta ao trabalho e às tarefas do costume.

Em casa e no trabalho, existem tarefas para fazer, umas mais rotineiras do que outras, mas existe muito trabalho para fazer que não pode esperar.
Como já disse há dias, este ano pretendo ser ainda mais organizada que no ano anterior, prometo pedir ajuda sempre que precisar, não pretendo ser super-mulher e irei procurar investir mais em mim.
No trabalho, irei procurar ser ainda mais eficiente;
Em casa, as regras estão estabelecidas aqui, bastará cumpri-las.
Eu gosto de rotinas, mas também gosto de coisas novas. Estou disponível para novos desafios. Com organização, penso que hei-de conseguir enfrentá-los.

Novo ano, mesma rotina (ou talvez não!)