domingo, 29 de abril de 2012

Balanço do mês de abril

O mês de abril não foi um mês negativo, nem em termos financeiros, nem pessoais.
Não consegui cumprir todos os objetivos, mas talvez me tenha precipitado com a definição de alguns para este mês. Por isso, vão passar para o mês seguinte.
Na minha opinião, o balanço é positivo.


Ora vejam:

  1. Associar-me à causa "Um livro por um sorriso de uma criança timorense", contribuindo com vários livros de língua portuguesa, matemática e outros. Pretendo levá-los até dia 15 ao Pólo I da Universidade de Coimbra. (Cumprido, com muito prazer)
  2. Entregar algumas roupas de primavera e verão numa instituição de acolhimento e/ou um lugar de  recolha de bens desse tipo. (Já encontrei o local e irei no início do mês de maio levar as roupas que, entretanto, já separei)
  3. Comprar um conjunto de mesa e cadeiras para o terraço.(Adiado para o mês seguinte, ou para quando vier o sol)
  4. Ler dois livros. (Li um:"Viver em tempos de mudança")
  5. Ajudar ainda mais os meus pais, agora que estão a ficar com menos resistência. (Todos os dias procuro ajudar)
  6. Visitar todos os dias os meus pais e passar, pelo menos, meia hora com eles. Não pensar no trabalho nessa meia hora. (Todos os dias o faço com muito prazer, pois sei que eles também adoram a minha visita)
  7. Conversar ainda mais com as minhas filhas, mesmo que elas não demonstrem essa necessidade. (Tenho tentado)
  8. Começar a pesquisar lugares para visitarmos em família, aos fins de semana. (Temos pesquisado os quatro)
  9. Namorar mais. (Todos os dias)
  10. SER FELIZ. (Procuro a felicidade nas coisas mais simples da vida todos os dias e tenho conseguido, em parte)
  11. Fazer caminhada ao fim do dia com as minhas filhas e com o "Faísca".(Algumas vezes, nem sempre como "Faísca")


Financeiramente, também não me posso queixar. Consegui fazer uma gestão bem feita e só gastei o que foi mesmo necessário.
É claro que fazemos uma vida muito poupadinha, mas não é por isso que é pior que as outras. Não vestimos roupa de marca, não saímos todos os fins de semana, não jantamos fora mais vezes. 
Mas nunca nos faltou a comida, nem a roupa para vestir,nem todos os bens de primeira necessidade. Tem dado até para satisfazer alguns prazeres da família.
Com uma boa gestão é possível viver bem, não tenho a menor dúvida.
Boa semana para vós. 

Fim de semana caseiro

O tempo faz destas coisas. Mais um fim de semana todinho passado em casa.
Não me estou a queixar, até porque gosto de estar em casa, em família, a ver televisão, enfim.. a descansar. 
Mas, na verdade, já tenho saudades de sair, de apanhar sol, de passear pela praia, de fazer um piquenique. Tantas coisas que nós podemos fazer na rua! Não acham o mesmo?
A chuva tardou em vir mas veio para ficar. 
Há pessoas a quem não faz diferença nenhuma e, portanto, não é a chuva que as impede de sair de casa e de passearem.
Eu não sou bem assim. Eu para sair preciso de sol. 
O sol dá-me vida, dá-me alegria, dá-me energia para trabalhar, para passear...
O sol diverte-me.
Por isso, espero ansiosamente por ele todos os dias.
Vejo todos os dias o boletim meteorológico na esperança de uma mudança de tempo.
Amanhã vai ser outro dia cinzento, pelos vistos.
Vem depressa, sol!



sexta-feira, 27 de abril de 2012

Imagens inspiradoras...

A cozinha do futuro










Casa de banho com SPA












Um quarto de sonho














Espaço exterior Zen















Fim de semana romântico












Desejo-vos um excelente fim de semana.
Sejam felizes!

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Receita da semana - Salmão com Favas


Ingredientes para 4 pessoas:
4 tranches de salmão (sem pele nem espinhas)
Sal e pimenta
Sumo de 1 limão
8 folhas de couve chinesa
80 g de cebola picada
60 g de Vaqueiro com Alho
3 hastes de tomilho fresco (de preferência)
750 g de favas tenrinhas descascadas
1/2 pimento vermelho (opcional)


Preparação:
Ponha um tacho ao lume para escaldar as folhas de couve chinesa. Se achar estas pequenas para enrolar as tranches de salmão junte as que achar necessárias.
Tempere o salmão com sal, pimenta e sumo de limão.
Leve ao lume a cebola picada com a Vaqueiro com Alho.
Escalde as folhas de couve durante 3 ou 4 minutos na água a ferver.
Escorra e enrole cada tranche de salmão nas folhas de couve.
Coloque as troxas sobre a cebolada e junte as hastes de tomilho.
Tape o tacho e deixe estufar sobre lume brando.
Entretanto tire a pele às favas. Junte-as depois ao peixe, retifique o sal e a pimenta e cozinhe até ficarem tenras, mas não a desfazerem-se.
Se quiser dar um toque mais alegre e colorido, um pouco antes de terminar a cozedura, junte ao cozinhado, umas tiras de pimento vermelho.
Bom apetite!!

quarta-feira, 25 de abril de 2012

25 de abril - DIA DA LIBERDADE






Hoje é feriado. Comemoramos um dia muito importante na nossa história. O Dia da Liberdade.







Ouça a música que em 25 de abril de 1974 lançou os Militares Portugueses para a rua. Era o golpe de Estado. "Acabava" a Ditadura...

terça-feira, 24 de abril de 2012

Emagrecer de forma saudável

Todos sabemos que perder peso é uma espécie de jogo. Se ingerirmos menos calorias do que as que gastamos vamos perder peso. Em parte isso é verdade, mas então porque é que existem pessoas que, apesar de comerem pouco, nunca vão conseguir perder peso e algumas até aumentam de peso?
Há uma grande explicação para tudo isso.
Grande parte das pessoas que já fizeram ou fazem regimes para perder peso, seguiram um destes dois princípios:
1- Fecham a boca e deixam de comer (o que faz falta e o que não faz falta)
2- Garantem que o que comem não é absorvido pelo corpo.
Inicialmente estas pessoas até perdem peso, mas prejudicam a sua saúde, e muito ! Vão perder massa magra e depois ficam nervosos, ansiosos.. com aspeto pouco atraente, pouco saudável.  Ou seja, perderam mais massa magra que gordura.
Ao perderem massa magra, o seu metabolismo fica mais lento e queima muito menos calorias do que queimava antes. Essas pessoas agora têm de comer menos do que comiam apenas para manter o peso. Este tipo de pessoas entra num ciclo vicioso.
Como pode evitar isso? Garantindo que a sua dieta é equilibrada. E para isso deverá ingerir alimentos de todos os grupos da Roda dos Alimentos. Já escrevi um post sobre este assunto.


E não se esqueça:
Para emagrecer deve comer bem, não deve comer muito nem deve deixar de comer.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Poupar desde o primeiro dia

Muitas das minhas leitoras receberam hoje o seu salário, ou então devem estar mesmo a receber, mais um dia ou dois. Não é verdade?
Que tal começar os planos para guardar dinheiro a partir de hoje? Este mês? 
Comece por retirar já 10% do seu salário. Não importa onde o vai guardar, se numa caixinha em casa ou numa conta separada. Separe esse dinheiro e esqueça! Mas esqueça mesmo! Vai ver que vai conseguir sobreviver. Sabia que quanto mais ganha, mais gastará? Por isso, entenda esses 10% como um pagamento que vai fazer a si própria.
Não faça como a maioria das pessoas: primeiro paga tudo e, se sobrar, então guarda. Acredite, não vai sobrar! Não vai sobrar porque você vai gastar tudo. Por isso, o melhor que tem a fazer é pagar a si própria em primeiro lugar. Esse está garantido! Depois pode gastar o resto.
Se acha que fazendo isso o dinheiro não vai chegar, experimente durante um mês anotar todos os gastos, desde um simples café a uma peça de roupa, a uma revista que comprou, uma ida ao cinema, tudo mesmo! Assim, poderá ver melhor para onde vai o seu dinheiro e onde poderá cortar no mês seguinte, se pode ou não cortar.
BOA SORTE!

sexta-feira, 20 de abril de 2012

O fim de semana chegou

O tão desejado fim de semana chegou mas, infelizmente, com chuva. Eu digo infelizmente porque não gosto nada de chuva. 
Este tempo deixa-me triste e com menos vontade para fazer as coisas. Não vos acontece o mesmo?
Mas, enfim, temos que ultrapassar esta adversidade e aceitar a chuva, até porque ela está a fazer bem à agricultura, e os meus pais que o digam, que a desejavam como pão para a boca.
Mas, como eu estava a dizer, chegou o fim de semana e isso é que interessa. São dois dias que vou ter para estar mais com a família e gozar a minha casinha.
Hoje consegui adiantar uma tarefa que tinha prevista apenas para amanhã, as compras do supermercado. Aproveitei a ajuda do marido, que hoje estava disponível.
Por isso, dado que o tempo não vai dar para sair, estou a programar um fim de semana 100% caseiro. Amanhã será todo dedicado às atividades domésticas e, para o domingo, estou a pensar aproveitar este tempinho de inverno para me instalar no sofá, quem sabe com a lareira acesa, a ver algumas séries na TV com a família.
Entretanto vou adiantar já a ementa da próxima semana e a lista de tarefas para amanhã (que inclui cozinhar para a semana toda).






Encare o trabalho com prazer

À medida que o tempo passa, os dias vão sendo mais difíceis de ultrapassar e com todos os problemas da vida pessoal a massacrar a sua cabeça, sair de casa para ir trabalhar nem sempre apetece e o trabalho começa a ficar para último lugar. Quando isso acontece, o que lhe apetece mesmo é ficar em casa, com a família, no aconchego do seu lar. Verdade?
De facto, a nossa casinha é a nossa casinha e é bastante melhor do que o nosso lugar de trabalho, por muito bom que ele seja.
Mas deixe de pensar assim e comece a encarar o trabalho de uma forma mais positiva e verá que conseguirá fazer com que o trabalho deixe de ser um fardo e passará a ser um momento do seu dia que a vai ajudar a suportar melhor a sua vida. Deixe o pessimismo em casa e siga algumas dicas para encarar o trabalho de forma positiva.
  1. Em primeiro lugar terá de entender a verdadeira importância que o trabalho tem para si. 
  2. Comece por planear o seu trabalho de forma a conseguir realizá-lo de acordo com o seu ritmo. Mas não se esqueça que poderá acontecer algum imprevisto. Por isso, quando fizer o planeamento do seu trabalho, faça-o com alguma margem de manobra, para que depois este não fique atrasado.
  3. Mantenha sempre as suas coisas organizadas. Se estas estiverem organizadas e o trabalho estiver planeado não andará muito em stress.
  4. Trabalhe com ferramentas adequadas ao seu estilo de trabalho, de forma a sentir-se bem.
  5. Seja objetiva.
  6. Sinta-se bem consigo mesma. Para que isso aconteça, aproveite o seu tempo livre para cuidar de si. Faça umas caminhadas, divirta-se.
  7. Quando sair de casa, pense que irá fazer aquilo que gosta e que lhe dá prazer. Verá que assim será muito mais fácil trabalhar e o tempo passará muito mais rapidamente.
Bom trabalho!

terça-feira, 17 de abril de 2012

Coma sopa - suas vantagens



  1. É de fácil digestão.
  2. É saciante.
  3. É reguladora do apetite.
  4. Oferece uma grande riqueza de vitaminas e minerais.
  5. Tem uma grande quantidade de fibras.
  6. Fornece muitas substâncias antioxidantes e protetoras.
  7. Geralmente apresenta uma baixo valor calórico.
  8. Previne a obesidade.
  9. É importante para o bom funcionamento intestinal.
  10. É reguladora dos níveis de colesterol.
  11. Equilibra dietas desequilibradas.

Só vantagens!!


Como economizar nas despesas de água e luz?

Não é nada fácil, até porque estes bens estão cada vez mais caros.
Contudo, eis algumas sugestões que poderão ajudar a reduzir a fatura:

  • Repetir aquela saia, blusa ou calça que não sujou antes de a colocar no cesto da roupa para lavar. Certamente ainda dará para uma ou outra vez;
  • Usar a máquina de lavar roupa ou louça somente com a capacidade máxima;
  • Evitar a máquina de secar;
  • Passar a ferro apenas uma vez por semana. (Escolha um dia para esta tarefa).




FELICIDADE

O sentido das nossas vidas passa pela Felicidade.
A felicidade é a única razão de viver. 
Quando a felicidade falha, a existência torna-se uma louca e lamentável experiência.
Segundo Dalai Lama, a felicidade passa pela nossa sabedoria e por filosofias de vida. 
Concordo inteiramente com Dalai Lama quando ele afirma que a chave para um mundo mais feliz é a compaixão e o amor. Não necessitamos de ser religiosos, nem necessitamos de acreditar numa ideologia. Tudo o que necessitamos é de desenvolver as nossas boas qualidades humanas. As nossas ações devem ser perspetivadas no sentido da obtenção da nossa paz de espírito. E da minha pouca experiência, descobri que essa paz de espírito nasce do desenvolvimento do amor e da compaixão. Quanto mais cuidarmos da felicidade dos outros, maior é a nossa sensação de bem-estar. Quanto mais proximidade e fraternidade sentirmos para com os outros, maior será a nossa paz de espírito.




sábado, 14 de abril de 2012

Casa limpa e arrumada, sempre!

Hoje é sábado, dia de faxina na maioria dos lares. Certo?
É verdade que todos gostamos de ver a nossa casa sempre limpa e arrumada. O pior é que nem sempre a conseguimos manter assim durante toda a semana. 
Começamos a ver roupa nas cadeiras, calçado fora do sítio, livros esquecidos em cima desta e daquela mesa, um copo em cima da mesa da sala e muito mais. 
Quem tem crianças em casa, o caos ainda é maior. Os brinquedos reproduzem-se em tudo quanto é sítio, na sala, no quarto, em cima das mesas ou debaixo da cama. Enfim... chegamos à sexta-feira e a lista de tarefas para o fim de semana é enorme.
Agora veja algumas dicas, que poderá começar a pôr em prática e a ajudarão a manter a sua casa sempre limpa e arrumada todos os dias. Só precisa de ter organização. Esta palavra irá ajudá-la a deixar a sua casa arrumada todos os dias e isso irá tornar-se um hábito que facilitará na hora da limpeza.

  1. Faça a cama assim que se levantar. Isso dará mais prazer quando se for deitar novamente à noite.
  2. Coloque cada coisa no seu lugar. Se usou qualquer coisa, coloque-a de novo no seu lugar depois de usar.
  3. Use o aspirador, pelos menos 3 vezes por semana. Por exemplo, se limpa na sexta-feira, aspire outra vez na segunda e na quarta. Assim, na sexta-feira a casa tem menos pó.
  4. Coma apenas na cozinha. Nada de ir comer para o sofá da sala ou para o quarto.
  5. Mantenha a cozinha e as casas de banho limpas. Faça todos os dias uma limpeza ligeira, com água corrente.
  6. Lave a louça todos os dias. Se não tem máquina de lavar loiça, não a acumule na bancada. Se tem máquina, guarde a loiça sempre na máquina, logo após as refeições, deixando a bancada limpa.
  7. Se deixar cair alguma coisa no chão, como por exemplo açúcar, farinha, café, etc, limpe de imediato, antes que alguém pise e suje o resto do chão.
Se seguir estas dicas e hábitos, terá a sua casa sempre limpa e arrumada todos os dias. Estas dicas devem ser seguidas por todos os moradores da sua casa. Assim, todos ajudarão a manter a casa arrumada e perfumada durante a semana.
Boas limpezas!

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Nova etiqueta: artesanato

Hoje resolvi criar mais uma etiqueta no meu blog dedicada ao artesanato.
Desde muito pequena que tenho alguma apetência para trabalhos manuais, sobretudo rendas e bordados.
Como não podia deixar de ser, esse meu gosto foi transmitido às minhas filhas e também elas gostam muito de artesanato.
Por isso, juntas, temos feito algumas peças, umas mais trabalhosas outras nem por isso.
Há uns anos atrás as minhas filhas criaram um blog, onde expuseram alguns desses trabalhos.
Deixo-vos o endereço do blog e convido-vos a visitarem-no e a darem a vossa opinião.
http://artes-e-tal.blogspot.pt/ 


Futuramente irei publicar aqui alguns trabalhos que for fazendo, partilhando convosco algumas dicas sempre úteis a quem gosta deste tipo de artes.


Por agora é tudo.
Desejo-vos um excelente fim de semana!

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Seja solidário

Estamos em crise, é uma realidade. E, infelizmente, afeta quase toda a população. 
Mas não vamos ser pessimistas, nem tão pouco, baixar os braços. Temos de ver vantagens, até na crise.
Como é que uma crise financeira pode trazer vantagens, estarão vocês a perguntar?
De facto, assim parece. Já o disse várias vezes e não me canso de repetir. É necessário refletir sobre este assunto, o da atitude positiva que devemos ter em relação às situações mais adversas. 
Em situações extremas, a mudança é necessária e positiva. Refiro-me à mudança de atitudes, hábitos dos portugueses. Devemos valorizar mais a importância da união, da solidariedade, da universalidade, da esperança, por exemplo através da família, do vizinho, do amigo, do outro. Somos seres habituados a viver em grupo e precisamos uns dos outros para nos sentirmos seguros.
Por exemplo, quando existe uma tragédia que afeta um número significativo de pessoas, imediatamente, mobilizam-se grupos de voluntários para ajudar os feridos a recuperar da adversidade. Perante a crise, juntos possuímos mais recursos.
Pense positivo, mesmo na crise, e veja vantagens. 
A união faz a força. Portanto, não hesite em ajudar quem precisa e vai sentir-se ainda melhor. Deixe de pensar só no seu umbigo e pense também nos outros à sua volta que estão na miséria. Hoje por eles, amanhã por nós.


Se eles ficarem bem, nós também vamos ficar.




segunda-feira, 9 de abril de 2012

Dieta pós-Páscoa

Festa é festa e, portanto, deve aproveitá-la ao máximo. 
Não estou a querer dizer com isto que deva abusar na comida neste dias de maior abundância.
O que pretendo dizer é que não se deve sentir culpada por ter abusado um pouco nos chocolates, nas amêndoas, enfim, por ter comido um pouco mais do que o normal.
Se é daquelas pessoas que não conseguiu resistir às tentações gastronómicas da Páscoa, então está na altura de voltar à sua dieta e, portanto, à alimentação saudável.
Antes disso, é recomendável praticar uma dieta desintoxicante, pelo menos um dia, para limpar o organismo, no fundo para eliminar as toxinas do nosso corpo. Atenção, não deve praticar esta dieta durante mais de três dias.


Segue-se um exemplo dessa dieta:
Pequeno-almoço
1 Iogurte magro com 2 colheres de sopa de sementes de linhaça ou de flocos de aveia
1 copo de sumo de laranja natural sem açúcar

Lanche da manhã
1 copo de sumo de beterraba, cenoura e maçã 

Almoço
Arroz integral
90 grs de peixe ou frango grelhado
Salada de alface/tomate/couve roxa
Legumes (cenoura, bróculos, couve-flor)

Sobremesa 
Fruta da época

Lanche da tarde
1 copo de sumo de abacaxi com couve

Jantar
Sopa de legumes, verduras, batata e frango 

Ceia
Bebida à base de soja
Torrada integral
1 colher de compota de fruta

Ao longo do dia beba bastante água e chá (verde, branco ou chá claro)

Sinta-se bem, sinta-se leve!

domingo, 8 de abril de 2012

Objetivos para o mês de abril

Já passou uma semana desde que o mês começou, mas só agora me dispus a definir os objetivos para este mês. Já faz parte da rotina e, portanto, era difícil continuar sem esta linha condutora.
Neste mês, para além de tudo o que é normal fazer em casa e no trabalho, pretendo fazer mais coisas, tais como:

  1. Associar-me à causa "Um livro por um sorriso de uma criança timorense", contribuindo com vários livros de língua portuguesa, matemática e outros. Pretendo levá-los até dia 15 ao Pólo I da Universidade de Coimbra. (Cumprido, com muito prazer)
  2. Entregar algumas roupas de primavera e verão numa instituição de acolhimento e/ou um lugar de  recolha de bens desse tipo. (Ando à procura do lugar. Se alguém conhecer algum sítio aqui em Coimbra, agradeço)
  3. Comprar um conjunto de mesa e cadeiras para o terraço.
  4. Ler dois livros. (A ler "Viver em tempos de mudança")
  5. Ajudar ainda mais os meus pais, agora que estão a ficar com menos resistência. (Todos os dias)
  6. Visitar todos os dias os meus pais e passar, pelo menos, meia hora com eles. Não pensar no trabalho nessa meia hora.
  7. Conversar ainda mais com as minhas filhas, mesmo que elas não demonstrem essa necessidade.
  8. Começar a pesquisar lugares para visitarmos em família, aos fins de semana.
  9. Namorar mais. (Todos os dias, claro!)
  10. SER FELIZ.
  11. Fazer caminhada ao fim do dia com as minhas filhas e com o "Faísca".




quinta-feira, 5 de abril de 2012

Estou de volta!

Depois de uns dias de ausência, eis que estou de volta com mais dicas e sugestões para estes três dias que se avizinham. 
Nunca será de mais dizer que o tempo é precioso e, portanto, devemos aproveitá-lo ao máximo.
Já tem planos para os próximos dias?


Nada como aproveitar estes minutos à noite para definir o plano, não concordam?
Eis algumas sugestões:


1º Faça uma lista de tudo o que tem de fazer, desde a tarefa mais rotineira àquela que só ao fim de semana ou nesta quadra festiva o faz.
2º Depois estabeleça prioridades e, se possível, coloque o dia e o período (de manhã ou de tarde) em que pretende realizar essa tarefa.
3º Não se esqueça de colocar na lista períodos para relaxar, sem exagerar no tempo. Nada de ficar a relaxar depois do almoço e ficar o resto da tarde a ver tv ou no computador a conversar no Facebook. Estabeleça uma hora, por exemplo. Terminado o prazo, acabou. De volta ao trabalho!
4º Na minha opinião, devemos primeiro realizar as tarefas de maior esforço, deixando para depois as mais leves, quando já estamos mais cansadas.
5º Programe as refeições para estes três dias, assegurando-se de que tem tudo o que precisa do supermercado.
6º Não deixe para amanhã o que pode fazer hoje.
7º Partilhe o seu plano com os restantes membros da família e peça-lhes para colaborarem em algumas tarefas. Delegue o que puder e faça-os sentir úteis. Convença-os de que todos ficarão a ganhar.


Por agora é tudo. Está na hora de ir fazer o plano do fim de semana.




Boa Páscoa!






segunda-feira, 2 de abril de 2012

Aumento dos combustíveis - outra vez!

Começa a ser de mais! Há que arranjar alternativas para o transporte diário.


Eu já comecei a poupar nesta matéria há largos meses. 




Cá em casa fizemos algumas alterações:

  1. Temos dois carros na garagem, mas apenas um sai diariamente de casa. É claro que tivemos de ajustar os nossos horários uns aos outros. Nada de comodismos de sair um de casa às 8h e outro às 9h30m. Passámos a sair todos às 8h, uma vez levamos a filha mais nova à escola e esta começa às 8h30.
  2. Mudámos um dos carros, que antes era a gasolina, para o sistema de gás. De início, custou um bocadinho dar tanto dinheiro junto, mas depressa compensou. Apesar de o gás não ser barato, é muito mais económico do que a gasolina.
  3. Também passámos a usar de vez em quando os transportes públicos, principalmente eu e as minhas filhas, uma vez que o meu marido por vezes tem de sair mais tarde que nós.
  4. Passear? Muito menos. Andar a pé faz bem e é económico.



Se queremos que o dinheiro chegue para todo o mês, há que fazer mudanças nos nosso hábitos. Estes foram apenas alguns exemplos.
E você? Já pensou nisso? Já adotou algumas destas medidas?

domingo, 1 de abril de 2012

Leituras em dia...

Cheguei ao fim de mais um livro: 
"100 regras para a vida", de Richard Templar. 
Comentário pessoal: ADOREI

E a pensar no próximo livro. Amanhã darei início à leitura de mais um, talvez um clássico da literatura, porque não?