quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Regresso ao trabalho

Já estou melhor e pronta para regressar amanhã ao trabalho.
Os últimos dias foram completamente fora de qualquer rotina, sem disposição para nada.
Como a febre parece que já se foi embora de vez, está na altura de pensar positivo e de arregaçar as mangas para o trabalho.




Já estou a rever a minha agenda para não me esquecer de nenhum compromisso.
Logo de manhã, como não pode deixar de ser, tenho que ver o correio, ler as primeiras páginas de alguns jornais (que recebo online) e responder ao correio mais urgente.
Depois, por ordem de prioridade, tenciono resolver alguns assuntos que ficaram pendentes antes de adoecer.
Surgirão, por telefone ou pessoalmente, alguns assuntos para tratar.
Portanto, trabalho não faltará.
Haja saúde e pensamento positivo!

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

O inevitável aconteceu

Depois de algumas ameaças, era previsível que um dia ia mesmo cair. 
Foi o que aconteceu. A febre tem esse poder de me derrubar. Não posso negar.
Toca a todos. Não somos de ferro. Resta-me esperar por melhores dias.

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Sábado chegou

Sábado, dia de faxina geral.
Entre muitas outras coisas, este sábado vai ser mais ou menos assim:


Com um sorriso nos lábios, para ficar melhor ainda.
À noite, a casa está arrumada e a roupa cuidada.
Para terminar o dia de forma mais agradável, e para compensar, vamos jantar a casa de uns amigos.


sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Organização de despensa

Com uma despensa organizada é muito mais fácil controlar os gastos.
Não precisamos de ir às compras todos os dias, um dia porque falta o leite, no outro porque acabaram os cereais ou a pasta de dentes. Além de ser cansativo ir todos os dias para o hipermercado, se formos, acabamos por comprar mais alguma coisa que até nem é necessária.
Por isso, deixo-vos alguns conselhos, que considero muito importantes:
  1. Faça as compras apenas uma vez por mês. 
  2. Faça a lista de compras só depois de consultar o stock lá de casa. 
  3. Não é necessário ter muita quantidade, mas apenas o suficiente para 1 mês ou pouco mais.

Claro que os produtos frescos temos que comprar todas as semanas.


Veja com atenção este vídeo, acho que vai gostar. Vídeo

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Legumes salteados

Adoro legumes, cozidos, estufados, salteados ou mesmo crus.
Podem servir como acompanhamento ou até como refeição principal, dependendo dos legumes que usamos.
Receita
Um prato de legumes salteados é muito prático e saudável. 
Tenha sempre legumes em casa (frescos ou congelados). 
Pode fazer um prato colorido e muito apetecível.
Também costumo misturar couve roxa, crua ou cozida. Dá ao prato uma cor diferente e um sabor bem agradável.
Nunca experimentei, mas dizem que é muito bom legumes salteados com caril.
Já experimentaram? O que acharam?

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Escolha um dia da semana para a organização

Quem trabalha todos os dias num local onde o telefone não pára de tocar e onde o entrar e sair de pessoas é uma constante, chega ao fim do dia quase sem se dar conta.
Quando olha para o relógio dá conta que já devia estar a sair e corre o risco de perder o transporte para casa.
É raro o dia em que consegue sair a horas e, portanto, alguns papéis ficam na secretária por arquivar.
Para resolver esse problema, sugiro que escolha um dia na semana para pôr ordem na secretária. 
Poderá perder alguns minutos, mas com certeza vai recuperá-los em pouco tempo.
O ideal é que conseguisse fazer isso nos últimos 15 minutos de cada dia. Mas também sei que nem sempre é possível. Infelizmente é frequente o telefone tocar no último minuto do expediente com um problema para resolver que nos vai atrasar e atrapalhar o esquema de organização.
Para mim, o dia da organização é a sexta-feira.  O que não consegui fazer nos dias anteriores, é concluído à sexta-feira. É dia de fazer limpeza aos papéis e de arrumar o que está fora do lugar.
Adoro a sexta-feira!

Alimentação saudável e económica em tempos de crise

Muitas pessoas acham que para fazer uma alimentação saudável é necessário gastar muito dinheiro. Nada mais falso.
A crise não pode ser desculpa para se fazer uma má alimentação. 
Vamos evitar, com estes tempos de crise, alimentar-nos de batatas fritas, massas, cachorros quentes só porque são economicamente acessíveis.
É possível poupar dinheiro na carteira e alimentar-se de produtos que o deixam bem de saúde.
Em primeiro lugar, tome o pequeno-almoço em casa. Fica muito mais barato do que ir ao café.
Compre fruta e legumes numa loja de qualidade e em que os produtos sejam mais baratos do que no supermercado. Felizmente existem cada vez mais lojas desse género. A concorrência é boa para baixar os preços.


Se vive no campo ou tem um jardim, aventure-se na agricultura. Experimente plantar umas alfaces, umas couves e até espinafres, tomates e/ou pimentos. São muito fáceis de cuidar e não precisam de uma grande área. Além de não ficarem muito caros, são de qualidade e sabor excelente.






Para fazer uma alimentação saudável, é essencial comer sopa. 
Por incrível que pareça, a sopa é um dos pratos mais económicos. 
Pode perfeitamente fazer uma sopa rica em legumes para 4 pessoas com pouco mais de 1 euro.
Não acredita? Por esse preço eu até consigo fazer sopa para mais pessoas.


Ora veja:
1 kg de batatas - 0,19
1 Kg de cenouras - 0,39
1 couve lombarda - 0,50
1 kg de cebolas - 0,29
2 courgetes grandes - 0,20
sal e azeite - pouco também


Total gasto: € 1,57


Quer saber onde consigo esses preços? Numa loja de frutas e legumes muito barata no centro da cidade.
Se os produtos são bons? Excelentes! Sempre frescos.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Poupar, mas sem perder qualidade de vida

Muito se tem falado em poupar, poupar, poupar! Mas, afinal é possível poupar sem perder qualidade de vida?
Se é daquelas pessoas que não dispensa o cabeleireiro, se é vaidosa, gosta de andar na moda, enfim... essas coisas de mulheres.. então vou deixar algumas sugestões para começar a gastar menos sem entrar em radicalismos:


1. Um cartão é pouco, três é demais. Não encha a sua carteira com cartões de crédito. Basta um cartão multibanco e um de crédito para algumas emergências. Quanto mais cartões tiver, mais terá que pagar em anuidades, além de que usando mais cartões, mais gastará.
2. Ordem na sua vida bancária. Não vale a pena ter dinheiro em vários bancos. Junte tudo num só banco. Assim pagará menos taxas nos serviços oferecidos.
3. Em vez de ir jantar fora com os amigos, porque não combinar um jantar com esses amigos na sua casa. Diz-lhes que poderão trazer a sobremesa, ou um vinho, e que em casa farão o resto (convide-os para ajudar). Sairá mais barato para todos e muito mais divertido.
4. Salões de beleza. Não deixe de ir, se isso a faz feliz. Escolha os dias em que eles fazem promoções. Em dias de pouca afluência, por vezes os preços descem. Aproveite. As unhas? Não conhece nenhuma amiga que perceba do assunto? Há sempre um desconto para amigos...
5. Cremes de beleza. Não precisa de ter a gama toda de vários produtos. Alguns nem sequer vai usar. Tenha apenas aberto um creme de beleza de boa qualidade e gaste-o até ao fim. Nada de experimentar mais um e mais outro e deixar três boiões abertos, ao uso.
6. Telefone. Cuidado com as falsas publicidades. Tenha apenas um bom tarifário, se possível pré-pago. Assim vai economizar.
7. Não precisa de ir ao cinema para desfrutar de um bom momento. Se tem ZON TV CABO grave as melhores séries, os filmes de estreia, e escolha um dia na semana para "ir ao cinema" em casa. Pode até ter direito a pipocas... é só pensar nisso antes!
8. Roupas e acessórios. Aproveite os restos de coleção. Estão sempre pela metade do preço. Escolha objetos básicos, que combinam com qualquer tipo de roupa. Vai ver que encontrará peças bonitas.


Convencida? São apenas sugestões...

domingo, 19 de fevereiro de 2012

Domingo - dia para a família

Este domingo foi  passado com a família. 
As tarefas domésticas foram apenas as básicas.
Nada de grandes esforços, até porque amanhã é segunda-feira e espera-me uma semana intensa, com muito trabalho.
Como quero dar sempre o meu melhor, tenho que estar em forma.
Ler foi mesmo o meu passatempo preferido. 
Desejo-vos uma boa semana.

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Roupa bem lavada e com um perfume único

Não é minha intenção fazer deste espaço, um espaço publicitário.
Contudo, não posso deixar de vos falar de um detergente para lavar a roupa, de marca específica, mas bastante económico e de qualidade superior.
Como vos tenho dito, os meus produtos de eleição são mesmo os de marca branca, por serem mais baratos e  porque, muitas vezes, não vejo diferença na sua qualidade em relação aos mais caros.
Mas gosto de experimentar produtos novos, desde que não sejam muito caros.
Assim aconteceu com este magnífico detergente da marca Surf. 
Tenho a certeza de que muitas das minhas leitoras já experimentaram e, portanto, não estou a dar novidade nenhuma.



Este novo detergente, na minha opinião, está cheio de vantagens:

  • É barato;
  • Lava muito bem;
  • Deixa um perfume na roupa espetacular.
  • É fácil de encontrar: está disponível em praticamente todos os supermercados e até em lojas de outras utilidades, como por exemplo a loja Deborla, Espaço Casa, etc.
Surf é uma marca de detergentes de grande sucesso internacional, presente nos cinco continentes.
Este detergente deixa a roupa impecavelmente limpa e proporciona experiências sensoriais únicas. Está disponível em três fragrâncias com óleos essenciais e aromas de flores que transmitem diferentes sensações, podendo assim optar pela fragrância que melhor se adapta à sua personalidade ou estado de espírito:
  1. Surf flores tropicais & ylang ylang pretende energizar o seu dia. A sua roupa vai transbordar de limpeza e alegria. Para que se possa desfrutar da alegria e boa disposição de um dia feliz.
  2. Surf limão & flores do campo vai revigorar os seus sentidos. Aromas e essências de limão e tangerina, que vão deixar a sua roupa impecavelmente limpa. Para que possa sentir durante todo o dia a frescura e energia de uma manhã de Sol.
  3. Surf lavanda & flores orientais é ideal para momentos relaxantes. A sua roupa vai ficar limpa e com um toque suave e relaxante. Para que possa ter o seu momento relaxante sempre que desejar.

Se não conhece ainda este produto, experimente e terá uma agradável surpresa!

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Biblioteca particular - organização de livros

Hoje em dia, é rara a pessoa que não tem uma biblioteca particular. 
São cada vez mais, felizmente, os livros publicados. Há uma oferta cada vez maior. 
Podemos adquirir livros nos mais diversos locais: livrarias (claro) e não só. Nos quiosques, nos hipermercados e mesmo supermercados, nas feiras, nas grandes e pequenas superfícies, nos lançamentos dos próprios livros, etc. etc.. Para quem gosta de ler, como eu, é uma tentação.
Depois, temos ainda os amigos que nos presenteiam com livros nos anos, no natal, ou por uma ocasião mais especial ou não.
Temos ainda os autores que, por amizade ou apenas por simpatia, nos oferecem um exemplar da sua autoria, autografado.
Com tudo isto, a nossa biblioteca particular vai crescendo, crescendo e, por vezes ficamos com um problema para resolver: Com organizar os livros todos para que a sua consulta se torne funcional?
Existem duas formas funcionais de organizar os livros na estante:

  1. A primeira é separar por categoria, subdividir por temas e depois organizar por autor ou título.
  2. A outra, mais simples, é organizar por tema, como livros de culinária, decoração, gestão e organização, nutrição e dietética, sociologia e comunicação, romance, escolares, infanto-juvenil, etc.

Seja qual for a forma que adotar, não se esqueça de que os livros devem ser colocados num canto para facilitar a visualização.
Organize os seus livros e leia-os. É lá que está todo o saber.
Com uma biblioteca organizada e um espaço reservado para a leitura, o ato de ler torna-se um prazer ainda maior.
Experimente!

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Receita de papas de aveia

Ingredientes (para 2 porções):

  • 1 chávena de chá de flocos de aveia
  • 2 chávenas de chá de leite
  • 2 pedaços de casca de limão
  • 1 pau de canela
  • 2 colheres (de sopa) de açúcar
  • canela em pó q.b.

Modo de preparação:
Coloque o leite num tacho, juntamente com o pau de canela e a casca de limão.
Acrescente os flocos de aveia e leve ao lume.
Quando estiver a ferver, coloque em lume brando e vá mexendo com frequência.
Acrescente o açúcar e a canela em pó.
Quando a consistência for cremosa e idêntica ao arroz doce, retire do lume.
Remova o pau de canela e a casca de limão.
Retifique o açúcar e a canela.
Coloque numa tigela.
Decore a gosto (Pode polvilhar com canela).
Pode servir as papas de aveia quentes ou frias.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

O trabalhador compulsivo ou workaholic

Assistimos hoje cada vez mais ao aumento do número de trabalhadores compulsivos ou workaholics. E não me estou a referir àquelas pessoas que adoram o que fazem e que, durante o horário de trabalho, dão o seu máximo, produzem imenso, são pro-ativas. Não é disso que estou a falar. Isso é perfeitamente normal e saudável.
O problema surge quando as pessoas não conseguem desligar do trabalho, mesmo quando estão em casa com a família, porque estão viciadas. Os workaholics deixam o trabalho dominar a sua rotina.
Este tipo de pessoas sente que tem que estar sempre ligado ao trabalho e, por isso, estão permanentemente sob pressão.
Ao acordar, ligam o computador para consultar o email e, se possível, respondem a algumas mensagens enquanto tomam o pequeno-almoço.
No caminho para o trabalho, entre o pára e arranca do trânsito, vão pensando nos telefonemas que têm a fazer assim que chegarem, nas fotocópias que não podem esquecer de fazer, nos pedidos que têm a fazer por email ou em plataformas específicas para o efeito.
Já no trabalho, marcam um almoço de trabalho com colegas, para discutirem alguns assuntos pendentes.
No caminho para casa aproveitam para fazer alguns telefonemas, uns pessoais outros de trabalho, mesmo que esse gasto saia do seu bolso.
À noite, depois de jantar, o trabalho continua e a lista de tarefas parece interminável:

  • Responder a emails;
  • Programar o dia seguinte;
  • Fazer relatórios;
  • Escrever artigos;
  • Organizar reuniões;
  • Etc., etc.

Trabalhar tornou-se um vício.
Para estas pessoas não há pausas e se alguém lhes perturba este ritmo, ficam irritadas, descontroladas, como se tivesse acontecido uma catástrofe.
É verdade que hoje vivemos numa sociedade muito competitiva, mas é necessário saber desligar.


A vida não é só trabalho.
Há muita vida para além do trabalho.
Não deixe que essa outra vida lhe passe ao lado. 
Viva bem, sem vícios.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Benefícios do café

Milhões de pessoas em todo o Mundo iniciam o dia com um café.
O cheiro, o sabor e a cafeína tornam-se um dos grandes prazeres da nossa sociedade e cultura. 
Além disso, existem estudos que mostram as vantagens de beber café para a nossa saúde e bem-estar.


O café ajuda a memória de curta duração.
O café ajuda a concentração e, por isso, facilita a aprendizagem.
Também diminui a fadiga.
os benefícios são encontrados principalmente em longos exames ou testes, quando o cérebro é mais usado.
Aprenda a gostar de café e beneficie de todas as vantagens que esta bebida pode trazer à sua vida.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Poupe nas revistas

Não sei se é do tipo de pessoa que tem o hábito de comprar todas as semanas várias revistas: cor-de-rosa, decoração, culinária, auto, artes decorativas, etc. etc.
Mas se for, talvez seja melhor fazer as contas de quanto gasta por ano na compra dessas revistas.
Suponhamos que gasta 8,00/semana (e estou a ser muito poupada, mesmo assim). Em 53 semanas gasta 424,00. Já pensou? Esse dinheiro dava para alimentar uma família inteira várias semanas! Ou dava para passar uma férias, por exemplo.
Hoje, com a internet, pode ter acesso a grande parte dos artigos das revistas sem gastar um cêntimo! 
O que costuma fazer com as revistas depois de lidas? Deixe-me adivinhar: vão para o lixo... 
Pois é, é esse o destino do seu dinheiro: Lixo!
Não desperdice o que tanto custa a ganhar.
Não precisa de deixar de ler revistas. Pode sempre lê-las no cabeleireiro, no café, num consultório...
Revistas de decoração há imensas na internet, para quê comprar? Não caia na tentação e vai lucrar com isso.
Vamos lá poupar para as férias.... sabem tão bem!

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Mais um livro - última página hoje!

"Deus e o sentido da existência", última página hoje.

Um livro que li com muito interesse. O seu autor, com quem tenho o privilégio de trabalhar, é um homem que admiro muito, não só pela sua capacidade de escrita mas também pelas suas qualidades enquanto pessoa atenta aos problemas da atualidade.

Um bem-haja ao Dr. Anselmo Borges!

 

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Limpeza de microondas



Manter o seu microondas sempre limpo é essencial. 
No fim de cada utilização passe um pano húmido e depois com um pano seco ou papel de cozinha.
Semanalmente, faça uma limpeza mais profunda, sem utilizar produtos específicos.
Basta que coloque um copo com água e umas gotas de limão no seu forno microondas, ligue a potência máxima, durante 3 minutos. 
No fim, limpe todo o vapor que foi criado com papel absorvente ou um pano de flanela.
Além de ficar bem limpo também fica livre de odores. 
Pode ainda acrescentar umas gotas de vinagre. Este ajuda a desinfetar.


Boas limpezas.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Organização de calçado

Já vai longe o tempo em que as pessoas tinham um par de sapatos para o dia a dia e um par de sapatos para as festas. Algumas tinham uma botas também e, eventualmente, umas pantufas ou chinelos de quarto.
Muito longe vai esse tempo, sem dúvida.
Hoje, a maioria das pessoas tem vários pares de sapatos, alguns pares de botas, muitas pantufas, muitos chinelos, porque, enfim, até nem foram caros, e .... são tão giros, não consegui resistir!
Consequências de tudo isso: muito dinheiro gasto, falta de espaço para guardar tanto calçado que, por isso mesmo, por vezes se esconde, de tal forma que nos esquecemos dele. Na primeira oportunidade, aí vamos nós comprar mais um par de botas numa loja nova, com promoções fantásticas. Lá ficamos nós com mais umas botas para guardar. 
Hoje vou propor-vos um exercício que pode parecer ridículo mas, acreditem, vai fazer-vos pensar duas vezes antes de voltarem a comprarem.
Experimentem colocar todo o calçado de que dispõem no mesmo espaço. Todo o calçado mesmo! Sapatos, botas, sapatilhas, chinelos de quarto, chinelos de verão, vosso e das pessoas que vivem consigo (marido, filhos, etc.). Muito, não é? 
Agora verifique o seguinte: Todo esse calçado está em condições de ser usado? Não? Então deite fora, sem pensar duas vezes. 
Se estiver todo em bom estado, faça o seguinte: Acha que ainda o vai usar ou já não gosta daquelas botas ou mesmo das chinelas que se usaram mas não fazem bem o seu género? Se não vai usar, então meta esse calçado e dê a uma instituição. Programe levar esse saco no início da semana.
O que fazer com o restante calçado? 
Separe calçado de verão e calçado de inverno.
Escolha colocar o calçado apenas num espaço. Não é preciso muito espaço para guardar todo o calçado. Use, por exemplo, o canto de uma lavandaria, do chão até ao teto para fazer uma sapateira. Mas não deixe o calçado escondido. Ele tem que estar visível, acessível.
Nada de ter sapatos no quarto, na casa de banho, no hall, à entrada da porta. Concentre-o todo no mesmo local. Vai ver que tem uma sapataria em sua casa sem se ter apercebido. Ainda tem vontade de comprar mais??? Use o que tem, um num dia, outro no outro. Varie... afinal tem tanto calçado!
Deixo-vos algumas imagens como inspiração:

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Bolo de limão

Para 8 pessoas:


Ingredientes:
2 chávenas de açúcar
2 chávenas de farinha
1 colher de chá de fermento em pó
1/2 chávena de leite
4 ovos 
Raspa e sumo de 1 limão


Note: A chávena tem 200 ml


Confeção:
Bater os ovos inteiros com o açúcar até obter um creme esbranquiçado. Juntar o leite, o sumo do limão e a raspa até estar tudo misturado.
Misturar o fermento com a farinha e adicionar à massa. Envolver sem bater.
Levar a cozer em forma untada e enfarinhada a 180º durante 40 minutos.


Resultado: Delicioso!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Amigos no trabalho

Amigos podem ajudar no ambiente de trabalho.


Em muitos casos, os funcionários passam a maior parte do tempo a trabalhar no mesmo ambiente, cercado de colegas de trabalho. Tantas horas de convivência levam a relacionamento, que podem ser superficiais ou profundas.
Independentemente do caso, ter amigos no trabalho torna as tarefas mais satisfatórias e deixa as pessoas mais felizes e mais bem dispostas. Isto não significa que seja necessário incluir essas pessoas na lista de amigos para o happy hour, mas apenas manter bom relacionamento, como forma de unir o útil ao agradável.
Não vale a pena dizer que não faz. Todos, em algum momento, desabafam sobre coisas, atitudes ou pessoas no trabalho. Antes disso, pense nas consequências. O ato pode funcionar como fator de desmotivação no trabalho e até mesmo prejudicar o seu relacionamento com outros colegas ou atrapalhar oportunidades futuras, como prémios ou promoções. Não conte com a discrição e a lealdade dos colegas.
Mesmo que seja um superfuncionário, precisará de ajuda em muitos momentos. Não pense que dá para sobreviver sozinho no ambiente de trabalho. Isso fica mais evidente quando acontece algum imprevisto e precisa de faltar ou sair mais cedo. Nessas horas, conte com a pessoa com quem tem mais afinidade.
Pesquisas apontam que o funcionário que mantém um amigo próximo no escritório é sete vezes mais produtivo. O seu melhor amigo também pode ajudar a dar ideias e projetos novos. Essa amizade pode até evoluir para fora do trabalho, com em happy hours ou eventos particulares e/ou familiares.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Como curar a compulsão alimentar de fim de tarde

Muitas das pessoas que trabalham longe de casa, almoçam entre as 12h00 e as 13h00, mas só começam a preparar o jantar muito depois das 18h00. Isso significa que os seu sinais de fome já estão totalmente ativos muito antes sequer de pôr os pés na cozinha - uma fórmula perfeita para "beliscar" antes do jantar alimentos como bolachas, batatas fritas ou queijo, ou ingredientes que está a utilizar para preparar o jantar. Não é verdade?


A melhor solução para evitar isso é programar o seu Snack Saudável entre o lanche e o jantar, por volta das 15h00 ou 16h. Esse Snack ajudá-la-á a manter-se saciada e satisfeita, dando-lhe energia quando começar a cozinhar. E como não estará faminta preparará a sua refeição com mais calma.


Exemplos de um Snack Saudável:


A) 1 iogurte de fruta magro + 2 colheres de sopa de frutos secos e passas
B) 2 fatias de pão de passas + 150ml de leite
C) 1 banana + 2 colheres de sopa de frutos secos e passas


Não se esqueça: Não deve estar mais de 4h sem se alimentar.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

O valor do dinheiro

Quanto vale o dinheiro?
Para nós, adultos, até é fácil compreender o valor do dinheiro, principalmente quando ele resulta do esforço que fazemos para o ganhar.
Mas para uma criança? Será que ela sabe? Será que ela compreende?
"Eu quero uma playstation!"  "Eu quero um jogo!"  "Eu quero umas botas novas!" "Eu quero..." "Eu quero..."
Parece simples, mas não é fácil dizer apenas "não".
Devemos abordar o assunto desde pequeninos, explicar-lhes que, para a mãe e o pai terem dinheiro, têm de trabalhar, por vezes de noite,  faça frio, faça chuva, faça calor...
Há pais que protegem demasiado os filhos, ao ponto de os afastar de tudo o que tiver a ver com crise, falta de qualquer coisa, enfim tudo o que estiver relacionado com finanças, despesas, etc.
Na minha opinião, não devemos excluir os filhos desses assuntos. É claro que não devemos ser pessimistas, nem pintar o quadro muito negro. Mas devemos fazer-lhes ver que a vida não é fácil, que devemos poupar o dinheiro para comprar aquilo que realmente precisamos.
Devemos ajudar os filhos a fazer escolhas, por prioridades. 
Não se atormente por dizer ao seu filho que este mês não pode comprar as botas que ele pediu. Explique-lhe a razão: Não pode porque o dinheiro não chega para tudo. Diga-lhe, por exemplo que temos que pagar bens muito mais imprescindíveis que umas botas, tal como a água, a luz, o telefone, a casa para morar.  Se não pagarmos a luz, por exemplo, ficamos às escuras. Com certeza que ele vai compreender.
Não é tarefa fácil, mas sempre é melhor do que um simples "NÃO!"
As crianças não compreendem facilmente a relação do dinheiro com o trabalho. Cabe-lhe a si explicar-lhe.
Boa sorte!

domingo, 5 de fevereiro de 2012

Família = lugar do amor

Já ouvimos muitas vezes expressões como: "almoço caseiro", "ambiente familiar", "aconchego do lar", "coração de mãe", "sinto-me em casa", "homem ou mulher de família". Todas estas expressões evocam ideias de segurança, de amor, de algo bom para nós.
Por detrás dessas expressões está a família, o melhor lugar para viver. É ali, no ambiente familiar, que somos  autênticos, reais, é onde podemos manifestar os nossos medos, as nossas tristezas, as nossas dificuldades, os nossos fracassos, os nossos sonhos, as nossas alegrias, as nossas vitórias, enfim, é onde colocamos para fora a nossa luta do dia a dia, é onde expressamos o nosso pensar, sem máscaras.


Como é bom poder ter uma família para sentir-se mais humano e valorizado, independentemente das nossas qualidades intelectuais, profissionais ou até mesmo físicas. Como seria bom se todas as crianças no mundo nascessem no seio de uma família e todos o seus familiares pudessem e quisessem cuidar dela sempre. Infelizmente a realidade não é bem essa.
E cuidar da família não é só dar-lhes tudo o que precisam ou pedem: roupas, calçado, brinquedos, jogos, etc. 
Cuidamos da família quando gastamos tempo com os filhos, quando sabemos quais são as suas amizades, quando as nossas conversas com os filhos não são feitas com televisão ligada.
Cuidamos da família quando não permitimos que os muros e cercas, tão presentes nas cidades, invadam os nossos lares. Esses muros e cercas são o egoísmo, colocar-se em primeiro lugar, o não ouvir, o não corrigir quando necessário e o não participar da vida escolar dos filhos.


A família é um bem precioso da humanidade, um dos mais valiosos que há.


Podemos dizer que é nela que as mulheres e homens conhecem o amor. E o que são as mulheres e os homens sem amor?




sábado, 4 de fevereiro de 2012

Limpeza de lareiras

Lareiras e recuperadores de calor
Quem não gosta dos serões passados à lareira, principalmente em dias muito frios?
Em minha casa, a lareira acende-se cedo e fica a arder até bastante tarde.
O pior é mesmo a limpeza no dia seguinte. Aliás, desde que descobri algumas técnicas, essa tarefa passou a ser muito mais simples.
Sem querer explorar muito esta matéria, gostaria de partilhar convosco algumas dicas de limpeza, práticas e económicas.
Nas lareiras abertas, a manutenção é um pouco diferente das lareiras com vidro, isto é, os recuperadores de calor. 
No dia seguinte à sua utilização, quando a lareira já arrefeceu, devemos retirar toda a cinza com a ajuda de uma vassoura e uma pá, e utilizar uma solução de água com detergente. Deixar atuar uns minutos e depois limpar com água limpa. 
Dado que as lareiras são também um elemento decorativo, deverá ser limpa por fora como se de um móvel se tratasse.






No caso dos recuperadores de calor, com vidro, não bastará limpar com água, pois o "queimado" do vidro não sai com água. Como fazer então?
Existem à venda produtos específicos para limpeza dos vidros das lareiras. São muito práticos, mas também muito caros. Bastará aplicar um pouco do produto em spray, deixar atuar uns minutos e limpar com papel (jornal ou rolo de cozinha). Ficam impecáveis, sem dúvida! Convém fazer essa manutenção diariamente.


Existe outra forma de limpar o vidro, de forma muito mais económica e igualmente prática. Bastará esfregar o vidro com as cinzas. Para isso, use, por exemplo, uma meia velha, molhe-a com água, passe essa meia na cinza e esfregue-a no vidro. Repita  se for necessário. Para finalizar, esfregue novamente com um folha de jornal ou rolo de cozinha, desta vez humedecida em água. O resultado é o mesmo! e sem gastar um cêntimo!


Com ou sem produto específico, não deixe de limpar a sua lareira se quer que fique bonita por muitos e longos anos.

Reorganização do Blog

Caras leitoras e caros leitores,


Eu sou terrível (no bom sentido, claro!). 
Adoro mudanças, inovações, alterações, remodelações e tudo o que tem a ver com renovar algo.
Pois é... hoje decidi proceder a uma reorganização do blog "Bem Viver".
Não se trata de uma grande mudança. Trata-se sim de uma arrumação diferente, principalmente para mim.
Quero dar às minhas leitoras e aos meus leitores a oportunidade de escolherem os dias ou os posts que mais lhes interessam e, por isso, resolvi atribuir a cada dia da semana um tema diferente.
Naturalmente que eu gostaria que visitassem o blog todos os dias. Mas claro, há sempre aquelas pessoas a quem não interessa nada assuntos relacionados com a vida doméstica. Pelo contrário, gostam de tudo o que tem a ver com alimentação, dietas, saúde... Nesse caso, já sabem que devem ir ao blog às terças-feiras ver as novidades sobre esta temática.
Por exemplo, decidi escrever sobre Saúde e Nutrição apenas à terça-feira, sobre Vida doméstica ao sábado.  Mas estes são apenas alguns exemplos. Mais concretamente, as temáticas ficarão assim distribuídas:


DOMINGO: Lazer e Família
SEGUNDA-FEIRA: Finanças
TERÇA-FEIRA: Saúde e Nutrição
QUARTA-FEIRA: Trabalho
QUINTA-FEIRA: Receita da semana
SEXTA-FEIRA: Organização
SÁBADO: Vida doméstica


Que acham da ideia? Parece-vos prática? Ou nem por isso?
Bem, fico à espera de comentários e aproveito para vos desejar um excelente fim de semana!



quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Programa de fim de semana

Segundo dizem os meteorologistas, vamos ter um fim de semana com muito frio. Mesmo assim, não podemos deixar de fazer  planos para o fim de semana.
Ficar em casa no quentinho da lareira? Talvez não fosse mau. Mas se nos agarramos à lareira dificilmente conseguimos sair de lá. De repente é domingo, não fizemos nada e lá vamos nós a correr fazer as coisas, stressar e apanhar um tremenda dor de cabeça!
Não, não pode ser! 

Então os meus planos para o fim de semana são os seguintes:
No sábado: Fazer as compras da semana, cozinhar, limpar a casa, passar a ferro, limpar o sótão, lavar varandas e terraços, e outras coisas do mesmo género.
No domingo: os planos são outros, bem diferentes! Organizar o almoço da família, com os pais. E de tarde, namorar, ler, ver um filme e relaxar.
Nada melhor do que descansar, já com tudo feitinho. Não concordam?
Descansem no fim de semana mas não preguicem...Se o fizerem, vão arrepender-se!