segunda-feira, 15 de abril de 2013

A alegria de viver no campo

Vem o sol, vem o calor, vem a vida ao ar livre.
Como é bom viver no campo!
Já o disse várias vezes, tenho a sorte de viver numa aldeia, rodeada de campos e com o rio no horizonte. 
Bem perto da minha casa, existem pinheiros, eucaliptos, sobreiros e outras árvores de grande porte.
É uma aldeia pequena, onde quase todas as pessoas se conhecem. 

Viver no campo é, nos dias de hoje, um luxo.
São muitas as pessoas que "fogem" da confusão da cidade para a tranquilidade do campo.
Embora haja quem tenha uma pequena horta na varanda de um apartamento, não há como chegar ao quintal e colher as alfaces para o jantar ou mesmo o feijão verde para sopa.
Claro que as coisas não nascem sem trabalho. Temos de cultivar a terra, cuidar da plantação, enfim, ocupar parte do nosso tempo na agricultura.
Mas acreditem, este trabalho dá saúde, não é stressante, não enerva as pessoas. Pelo contrário, descontrai, dá saúde, vida e alegria.
Com o bom tempo, já se anda a pensar em semear as batatas e em preparar o terrenos para outras plantações como os tomates, os pimentos, etc.

Vida ao livre. Que delícia!!

3 comentários:

  1. Que inveja Manuela!!!
    Cada vez me arrependo mais de ter comprado um apartamento sem um quintal no mínimo...Faz-me falta o contato com a natureza!

    ResponderEliminar
  2. Até ao proximo verão vou deixar a cidade e voltar para o campo. Estou cansado de correr para trocos, cansado desta evolução descontrolada! Quero viver na simplicidade. Nasci pobre e vou morrer pobre mas ao menos serei feliz!

    ResponderEliminar

Publicação em destaque

Aproveitar bem o tempo

Há várias formas de aproveitar o tempo.  Muitas pessoas queixam-se da falta de tempo, outras morrem de tédio, porque não sabem o que hão ...