sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Comece o ano a poupar - 12 conselhos

Vamos ter um ano 2014 ainda mais difícil e, como tal, para que não tenhamos surpresas e para que vivamos ainda melhor, o ideal é começar o ano a poupar.
Já referi em outros posts algumas dicas de poupança mas nunca é de mais lembrar. Com ou sem mealheiro, o importante é poupar.

Eis alguns conselhos:

  1. No dia em que recebe o seu vencimento mensal, levante 10% ou 5% desse montante e coloque de parte (pode ser num mealheiro ou noutra conta onde não mexa com frequência);
  2. Antes de ir às compras faça sempre uma lista. Não compre nada só porque está com desconto. Isso é uma ilusão e acaba por fazer com que gaste mais dinheiro;
  3. Programe as refeições com antecedência, de forma a evitar comprar comida no «pronto-a-comer». Esta, além de ficar mais cara, é menos saudável;
  4. Aproveite as promoções para comprar os produtos de uso corrente. Esteja sempre atenta aos cupões de desconto;
  5. Use e abuse de bibliotecas para ler o seu livro favorito, em vez de comprar.
  6. Não deixe de ir passear, mas opte por passeios no campo, longe de centros comerciais e de outros atrativos ao consumo.
  7. Veja cinema em casa;
  8. Fuja da tentação de comprar alguma coisa quando se sente deprimida. Acaba por comprar sempre alguma coisa que não vai usar depois;
  9. Resista ao consumismo. Compre apenas aquilo que precisa e não aquilo que está na moda;
  10. Se tiver possibilidade, arranje um 2º emprego, em part-time, para ajudar nas despesas. Todo o dinheiro que entrar é bem vindo!
  11. Seja organizado/a em tudo na vida;
  12. Sonhe com um mundo melhor mas sempre com os pés assentes na terra.

BOAS POUPANÇAS!


1 comentário:

  1. No poupar é que está o ganho.
    Não há como planear para se conseguir ter o que se quer.
    vidademulheraos40.blogspot.com.

    ResponderEliminar

Publicação em destaque

Aproveitar bem o tempo

Há várias formas de aproveitar o tempo.  Muitas pessoas queixam-se da falta de tempo, outras morrem de tédio, porque não sabem o que hão ...