domingo, 3 de maio de 2015

Maio - mês de mudanças

Não são mudanças radicais, serão apenas as suficientes para fazer alguma diferença. Diferença sobretudo para mim. 
Como objetivos dessas mudanças estão não só o meu bem-estar interior mas também o aumento da minha produtividade.
Pode parecer egoísmo da minha parte, mas é precisamente o contrário. Se eu estiver bem, os outros vão beneficiar com isso, em todos os aspetos, pessoais e profissionais.
Portanto, é a pensar em mim e, sobretudo nos outros, que vou tentar mudar algumas coisas na minha vida, nas minhas rotinas e na minha atitude perante a realidade.
Para começar, posso dizer-vos que a grande mudança vai mesmo ser na forma de aproveitar o tempo.
O tempo que passo em casa, com a família e o tempo que dedico ao trabalho. Este último é muito importante e, por isso, lhe dedico tantas horas do dia, não conseguindo desligar, muitas das vezes, quando fecho a porta do gabinete.
A mudança do mês de maio passa mesmo por aí. O trabalho vai ficar no trabalho.
A família está acima de qualquer prioridade. 
Muitas vezes damos conta disso quando já é tarde. Gostaria que isso não acontecesse comigo. Por isso, acho que está na hora de mudar. De repente pode ser tarde...


Sem comentários:

Enviar um comentário